11 de março

Cônsul do Japão é trocado por presos

VPR de Lamarca troca diplomata sequestrado por cinco presos políticos

Numa ação comandada por Ladislau Dowbor e Eduardo Collen Leite, o Bacuri, a Vanguarda Popular Revolucionária (VPR) sequestra Nobuo Okushi, cônsul do Japão em São Paulo. O grupo exige a libertação de cinco presos políticos, que deveriam ser enviados para o México.

Na lista, estavam Damaris Lucena, mulher de Antônio Lucena, assassinado dias antes pela repressão, e seus três filhos menores. Os outros quatro eram Otávio Ângelo, dirigente da Ação Libertadora Nacional (ALN), madre Maurina Borges da Silveira, Diógenes Carvalho de Oliveira e Mario Japa, como era conhecido Chizuo Ozava, ambos militantes da VPR. Todos seriam soltos e banidos.

Foi o primeiro sequestro realizado pela VPR, que nesse período era comandada pelo ex-capitão Carlos Lamarca.