5 de agosto

Vargas cria serviço de alimentação

Objetivo do Saps é fornecer comida boa e barata para os trabalhadores

O presidente da República baixa decreto criando, no âmbito do Ministério do Trabalho, Indústria e Comércio, o Serviço de Alimentação da Previdência Social (Saps), com o objetivo de fornecer comida boa e barata aos empregados. O decreto estabelece que o Saps deverá promover “ampla divulgação, nos meios trabalhistas, das vantagens que o trabalhador tem de se alimentar convenientemente, bem como, nos meios patronais, da utilidade de se lhe garantir alimentação adequada e oportuna”.  

O Saps tinha a cooperação dos institutos e caixas de aposentadoria e pensões. Pretendia promover a instalação e o funcionamento nas grandes empresas de restaurantes destinados aos trabalhadores, fornecer refeições nas empresas menores e providenciar a venda de alimentos a preço reduzido aos trabalhadores e suas famílias. Sua missão incluía também a organização de uma rede de restaurantes populares nas principais cidades do país. 

O presidente e os membros do Conselho Diretor que coordenavam o Saps eram nomeados pelo presidente da República.