30 de setembro

UNE escolhe a sua primeira presidenta

Clara Araújo é eleita em congresso vigiado de perto pela repressão

O 34º Congresso da União Nacional dos Estudantes (UNE), em Piracicaba (SP), elege pela primeira vez uma mulher, Clara Araújo, para a presidência da entidade. O congresso foi monitorado pela repressão. A Operação Pira, cujos registros permaneceram nos arquivos do Dops, foi montada especificamente para fazer a “vigilância” do evento, com agentes infiltrados entre os participantes.